Anedotas de Alentejanos

As melhores anedotas de alentejanos. Normalmente, este tipo de anedotas caracteriza-se por fazer passar por parvos os alentejanos, mas o povo alentejano acaba por levar sempre a melhor.

Alentejano apaixonado

O Chico do Monte é um feitor alentejano que há muito vem arrastando a asa à Belinha, uma ceifeira de curvas apetitosas.

Alentejanos no teatro

A Maria e o Manuel vão ao Teatro assistir ao ballet “Lago dos Cisnes”. A Maria muito cansada, após um longo dia de trabalho, dorme profundamente durante a maior parte do espectáculo.

Alentejano vai ao Minho

Um Alentejano foi conhecer o Minho. Na tarde do dia da chegada, sentou-se numa esplanada e pediu um ”caféi”.

Almoço Buffet

Dois alentejanos foram a Lisboa e, chegada a hora do almoço, procuraram um sítio para comer. Deram com um restaurante, que anunciava na montra: ”Almoço Buffet – 5 euros”.

Alentejano na “brincadeira”

De sachola ao ombro,um alentejano ia caminhando na vereda habitual quando, a certa altura, ouviu uns murmúrios e risinhos, vindos de trás de uma sebe.

Alentejanos à caça

Andavam dois alentejanos no monte à caça quando viram um homem a fazer asa-delta. Sem rodeios, um dos alentejanos, aponta a espingarda e espeta-lhe dois tiros.

Paragem dos comboios no Alentejo

Devido ao fim de algumas linhas férreas, um repórter, num inquérito de rua no Alentejo, pergunta a um alentejano: – O senhor é a favor ou contra a paragem dos comboios? Responde o alentejano: – A favor claro! Se os comboios não parassem, como é que a gente subia e descia?! — Anedota enviada por [...]

Porque não troca de lugar?

Estava um Alentejano sozinho num autocarro. Estava a chover muito e o infeliz estava sentado por baixo de uma goteira. Diz o motorista:
- Porque não troca de lugar?

Bebé proveta

Dois alentejanos estavam passeando. Diz um deles:
- Ó compadri, vocemecêi sabi dizer alguma coisa da manêra como são fêtos os bébés provêta?

Elefantes a voar

Estavam dois alentejanos sentados à sombra de uma oliveira quando passa um elefante a voar. Os dois olham com cara estranha ao sucedido mas não dizem nada.