Anedotas de Bêbados

As melhores anedotas sobre bêbados. As anedotas de bêbados tratam de pessoas alcoolizadas, normalmente resume-se a um homem, e a imprevisibilidade dos resultados da bebedeira.

Passeio sem o marido

O autocarro estava prestes a partir com os turistas que iam de excursão ao norte do país e uma das passageiras pergunta a outra:
- Então, D. Madalena, o seu marido não a acompanha neste passeio à Rota do Romântico?

Vinho é vida!

Diz a mulher para o marido:
- Escuta esta notícia curiosa, que vem aqui no jornal: ”O ser humano morrerá por falta de ar em cinco minutos, por falta de sono, em dez dias e por falta de água, numa semana.

Bêbado morre à entrada de um bar

Dois habituais amigos da pândega, que já não se viam há uns dias, encontram-se
casualmente na rua e saudam-se:
- Olh´ó Neves!
- Olá, Rogério!

Bêbado em festa popular

Numa festa popular, começou a música e o bêbado se levantou:
- A madame me dá o prazer desta dança?

Bêbado roubado

Um homem já podre de bêbado sai do bar e, no caminho para casa, acaba por dormir num canto dum beco. No dia seguinte, já recuperado da bebedeira, repara que lhe roubaram o relógio…

Gin invés de brandy

Sentado ao balcão de um bar um tipo, já um pouco tocado, reclama para o barman:
- O senhor serviu-me um gin, mas eu pedi-lhe um brandy!

Provérbios de bêbado

Dois tipos, já bem ”atestados”, ao balcão de um bar. Diz um:
- Tal como a fome, o tinto é negro!

Farra toda a noite

De manhã, muito cedo, um tipo acorda um amigo que, estremunhado, resmunga:
- Ó pá, eu estive com uns amigos num bar e deitei-me tardíssimo esta noite!

Um pouco de Rossini e Verdi

A dona da casa para a visita, um colega de trabalho do marido:
- Senhor Armando, antes do jantar não quer deliciar-se com um pouco de Rossini ou Verdi?

Muitas amêndoas nesta Páscoa

Pergunta um ao amigo:
- Nesta Páscoa, comeste muita amêndoa?